Jovem tem dente arrancado após ordem de dentro da Custódia


A jovem Poliana Alves de Abreu, 24, teve um dente arrancado e o cabelo raspado durante sessão de tortura praticada em fevereiro dentro da sua casa no bairro Pedro Balzi, na zona Sudeste de Teresina. A família acredita que as agressões tenham sido ordenadas pelo ex-companheiro e pai do filho da vítima que está preso na Casa de Custódia. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher.

“Chegaram dois rapazes em uma moto. Pegaram e cortaram o cabelo porque ela tinha um cabelo bonito e grande. Para piorar ainda mais a situação arrancaram o dente da frente com um alicate”, contou o pai da vítima à Cidade Verde.

Os cabelos e o dente teriam sido levados pelos agressores como prova da tortura. Familiares acreditam que as agressões sejam motivadas pela decisão de Poliana de por fim ao relacionamento.

“Eu não sei como ele consegue ligar lá de dentro, mas todo dia ele ligava pra ela. Não adiantava trocar de chip. Todo dia tinha ameaça de morte. O que ela me disse sobre a revolta dele é que ela não ia mais visitar ele na Custória. E foi o que ela deixou de fazer, não foi mais”, completou o pai de Poliana.

“Teve uma reunião de uma turma e lá tinha alguém que gosta de mim, que conhecem e sabem que não sou bandido. Me avisaram que não era nem para falar o nome dele e que a ordem agora era quebrar o pescoço dela”, completou.

Notícias Relacionadas

Policial 8254731137359672371

Arquivo de Notícia

Parceiros

item