Carreta é retirada, mas carros ainda estão na BR 343 que foi rompida por riacho

O caminhão com uma carga de madeira, que caiu em um riacho com o rompimento da BR-343 na noite da última sexta-feira (30), no Bairro Recanto das Palmeiras, zona Leste de Teresina, já foi retirado. 

Um segundo veículo onde estavam dois irmãos no momento do acidente segue no local e um bitrem seguem no leito do riacho que cortou a rodovia.

Estavam no Classic, Sebastião Vinicius e sua irmã, Maria Clara, ambos estudantes de Direito. O pai dos dois jovens, o advogado Sebastião Braga afirmou que os dois irmão haviam saído da Avenida João XXIII, no bairro São Cristovão, e seguiam para casa de amigos no Cristo Rei, quando a rodovia desmoronou. 
Segundo ele, o seu filho sofreu um corte no pé e a jovem não teve nenhum ferimento. O pai das vitimas afirmou que o acidente poderia ter sido evitado, vários moradores do bairro Recanto das Palmeiras avisaram à Polícia Rodoviária Federal que a força da água a rodovia poderia romper a rodovia qualquer momento. 

“Houve falha do poder publico, porque foi avisado e podiam ter interditado imediatamente”, declarou Sebastião Braga. 

No local, a cena é de destruição. As águas arrastaram árvores, manilhas e barrancos, além dos veículos.

A PRF afirmou que ainda não tem previsão para a liberação da rodovia, que liga a região do bairro Alto da Ressurreição ao Mercado do Peixe.

Fonte:http://jornal.meionorte.com

Notícias Relacionadas

Piauí 6292743131894609877

Inscreva-se

Publicidade



Arquivo de Notícia

Parceiros

item