Detento finge estar doente para resgatar celulares no banheiro do hospital de Esperantina

A insistência dos apenados da Penitenciária Regional Luiz Gonzaga Rebelo, em Esperantina, em tentar introduzir aparelhos celulares dentro da unidade prisional é constante, mas a atenção dos agentes penitenciários tem sido redobrada para evitar várias situações.

Um situação nada convencional aconteceu na manhã desta terça-feira (15), quando o detento Bernardo Charles Pereira da Silva simulou estar doente e foi levado para o Hospital Estadual Dr. Júlio Hartman. O chegar no local, o rapaz recebeu atendimento médico e fingiu uma forte dor de barriga, pedindo para ir ao banheiro. Ao retornar para o presídio, o detento foi revistado e os agentes encontraram dois aparelhos celulares e uma bateria de celular.

O diretor do presídio, Agnaldo Lima, informou que vai solicitar imagens do sistema de câmeras de segurança do Hospital para desvendar o autor da “desova” dos celulares no banheiro do hospital. Agnaldo acredita que o detento já sabia onde encontrar os aparelhos, mas precisava de um pretexto para resgatar o pacote.

“O presidiário é de responsabilidade da Comarca de Parnaíba e cumpre pena em Esperantina pelo artigo 157, ou seja, por roubo“, contou o diretor da unidade.

O caso foi registrado na 13ª delegacia de polícia de Esperantina.

Fonte: www.revistaaz.com.br

Notícias Relacionadas

Policial 1165345982311262167

Publicidade



Arquivo de Notícia

Parceiros

item