Garoto de 11 anos é encontrado dentro de cela na penitenciária Major César

Agentes penitenciários da Colônia Agrícola Major César Oliveira, localizada na BR-343 entre Teresina e Altos, se depararam com uma situação inusitada no último sábado (30). Eles encontraram uma criança dentro de uma das celas da unidade prisional. O menino, de aproximadamente 11 anos, "foi esquecido" por um adulto durante uma visita. 

O Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi) informou que o menino foi flagrado debaixo da cama de um detento. Foi constatado, de acordo com os agentes, que este preso não tem grau de parentesco com a criança e cumpre pena na unidade prisional por homicídio. 

Após ser encontrado pelos agentes, o menino foi encaminhado à Central de Flagrantes de Teresina e submetido a exames. 

O diretor jurídico do Sinpoljuspi, Vilobaldo Carvalho, ressalta que falta um espaço adequado para visitação infantil na Colônia Agrícola Major César. Segundo o sindicalista, as visitas na unidade prisional ocorrem na área interna, dentro dos alojamentos. 

“É uma situação gravíssima. Essas visitas deveriam ser cadastradas no serviço social da unidade e deveria ser feita sob supervisão dos agentes. Mas não é feita porque o número de agentes penitenciários é insuficiente”, critica Vilobaldo. 

A secretaria estadual de Justiça confirmou que o caso ocorreu e a criança estava acompanha dos pais durante a visita. A gerência notou a ausência de uma pessoa na saída dos visitantes e fez uma rápida vistoria, encontrando a criança em uma das celas.

Feita a identificação, o preso, os pais e a criança foram encaminhados à Central de Flagrantes de Teresina, onde prestaram depoimento. 

O gerente da Colônia Agrícola Major César, Cleiton Lima, disse que os pais do menino contaram que deixaram a criança de propósito na unidade prisional. "A intenção era de evitar levar o menino para casa e trazer no outro dia, já que domingo também é dia de visita", conta Lima.

Segundo a gerência, foi realizado exame de corpo de delito pelo Instituto Médico Legal na criança, que não constatou nenhum tipo de violência. O preso visitado pelos pais do menino será punido e ficará na ala de triagem.

Fonte: https://cidadeverde.com

Notícias Relacionadas

Policial 5714632043147194581

Publicidade

Acessos

Inscreva-se

FACEBOOK

Arquivo de Notícia

Parceiros

item