No Dia do Piauí, Governo vai criar Parque do Cânion do Poti e unidades nas nascentes de rios


O Governo do Estado vai criar o Parque Estadual do Cânion do rio Poti e outras seis unidades de conservação. Os decretos serão assinados durante as festividades do Dia do Piauí, comemorados em 19 de outubro.

"O Estado do Piauí, através da Semar, vem desde 2015 fazendo estudos e diagnósticos na criação de novas unidades de conservação", explicou o secretário estadual de meio ambiente e recursos hídricos, Ziza Carvalho, em entrevista ao Cidade Verde Notícias, nesta segunda-feira (18). 

No caso do Cânion do Rio Poti, localizado entre Crateús (CE) e Buriti dos Montes (PI), a solenidade de criação do parque deverá contar com a presença de gestores do Ceará. A região é procurada por turistas que buscam aventura nos paredões de pedra por onde o rio passa. 

Outra novidade confirmada pelo secretário é a transformação da Área de Proteção Ambiental (APA) do Rangel em parque ambiental. Ziza Carvalho explica que o perímetro da unidade de conservação será ampliado e a região, assim como o Cânion do Poti, passará a ser uma área de proteção integral.

Também serão criadas, em outubro, cinco novas APAs em rios do Piauí: Gurgueia, Longá, Canindé, Uruçuí Preto e Uruçuí Vermelho. A intenção é garantir o uso sustentável dos recursos naturais e preservar as nascentes dos rios. 

A programação da Semar para o Dia do Piauí também incluirá a inauguração do Barco Escola. Com 60 lugares, a embarcação estará à disposição de estudantes para aulas de educação ambiental. Para tanto, estão sendo concluídos dois píeres no rio Poti: um no Centro de Educação Ambiental, no parque Potycabana, e outro no parque Zoobotânico. O projeto existiu em 2009, mas foi descontinuado. "Dessa vez nós construímos, o barco é de propriedade da Semar", completou Ziza Carvalho.

Fonte: cidadeverde.com

Notícias Relacionadas

Piauí 4920402294183063179

Publicidade

Acessos

Inscreva-se

FACEBOOK

Arquivo de Notícia

Parceiros

item