Justiça aceita denúncia do MP e decreta prisão preventiva de suplente de vereador em Cocal dos Alves

No final da tarde desta quinta-feira (13/07), a equipe da Delegacia de Polícia Civil do município de Cocal, região Norte do Piauí, deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva em desfavor do suplente de vereador da vizinha cidade de Cocal dos Alves, Aurélio Cardoso de Brito (PMDB), de 49 anos, denunciado pelo Ministério Público pela prática dos crimes de homicídio duplamente qualificado e porte ilegal de arma de fogo. 

Vítima, Domingos Manoel de Brito

A decisão judicial que resultou na prisão de Aurélio é decorrente de um requerimento formulado pelo Ministério Público (MP), na pessoa do Promotor de Justiça, Dr. Francisco Túlio Ciarlini Mendes, que denunciou o acusado nos crimes de homicídio, com as qualificadoras de motivo torpe e mediante recurso que impossibilitou a defesa da vitima, além do porte ilegal de arma de fogo. O Juiz titular da Comarca de Cocal, Dr. Carlos Augusto Arantes Júnior, aceitou a denúncia e ainda decretou a prisão preventiva do réu.

Acatando uma intimação da Delegada Rafaela Silva Bezerra, Aurélio se dirigiu a delegacia de Cocal acreditando que iria prestar maiores esclarecimentos sobre o referido processo, mas acabou sendo surpreendido com o mandado de prisão. A intimação foi um meio utilizado pela autoridade policial para dar cumprimento ao mandado judicial.

O apenado foi conduzido no inicio da manhã desta sexta-feira (14/07) para a Penitenciaria Mista de Parnaíba, onde ficará recolhido por tempo indeterminado a disposição da justiça.

Fonte: www.coveirinho.blogspot.com.br


Notícia relacionada...

Notícias Relacionadas

Policial 6148773495854759347

Publicidade

Acessos

Inscreva-se

FACEBOOK

Arquivo de Notícia

Parceiros

item