Ex-primeira-dama de Barras, tem direitos políticos suspensos por 3 anos


Acusada de acumulação irregular de cargos públicos, a ex-primeira-dama de Barras, Ana Maria de Sousa, esposa do ex-prefeito Francisco Marques, foi condenada em ação civil de improbidade administrativa e teve os direitos políticos suspensos por três anos, além do pagamento de multa civil de dez vezes o valor da maior remuneração percebida quando da ocorrência dos fatos (01/2011 a 08/2011).

A sentença foi dada em 27 de abril deste ano pelo juiz Thiago Coutinho de Oliveira, da Comarca de Barras. Entenda o caso A ex-primeira-dama acumulou irregularmente os cargos de professora municipal, Secretária Municipal de Administração e Coordenadora Regional de Saúde do Município de Barras durante os meses de janeiro, fevereiro, março, junho e julho de 2011.

Com base nas folhas de pagamentos dos exercícios de 2010 e 2011 do município, solicitadas ao Tribunal de Contas do Estado do Piauí – TCE/PI, com recebimento de valores de Ana Maria pelo exercício dos cargos de professora da rede municipal e comissionada da Secretaria de Administração, ficou comprovada a acumulação irregular dos cargos, o que configura improbidade administrativa.

Fonte: www.longah.com
Foto: www.jornalesp.com

Notícias Relacionadas

Política 7304521204219379303

Publicidade

Acessos

Inscreva-se

FACEBOOK

Arquivo de Notícia

Parceiros

item