Piauí gasta R$ 99 mil por mês com pensão para ex-governadores do Estado

O Piauí está entre os 16 estados que pagam pensão para ex-governadores ou dependentes. Ao todo, são gastos R$ 99.072,00 mensalmente. O valor é depositado nas contas de oito pessoas, que recebem mais de R$ 12 mil, de acordo com levantamento divulgado nesta segunda-feira (06) pelo site G1. Os nomes dos beneficiários não foram divulgados pelo estado.

Os pagamentos são legais, mas tramitam na Justiça várias ações que questionam essas pensões que custam R$ 35,8 milhões por ano aos governos estaduais. No último dia 15, a Justiça da Bahia suspendeu por liminar o pagamento de pensão vitalícia a ex-governadores. O STF analisa ações semelhantes, movidas pela Ordem dos Advogados do Brasil, no Piauí e em mais seis estados.

Além do Piauí, as pensões vitalícias são pagas no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Sergipe, Paraíba, Rio Grande do Norte, Maranhão, Pará, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Amazonas, Acre e Rondônia.

Em alguns desses estados, a pensão não é mais garantida a novos governadores, mas continua sendo paga àqueles que adquiriram o direito por terem deixado o cargo quando a respectiva lei ainda estava vigente. É o caso do Piauí e do Rio Grande do Norte.

Fonte: www.portalodia.com
Edição: www.portalodia.com

Notícias Relacionadas

Piauí 3495971451193273072

Publicidade

Acessos

Inscreva-se

FACEBOOK

Arquivo de Notícia

Parceiros

item