Grávidas receberão repelente para proteção contra o Aedes

O Piauí vai receber 439.200 frascos de repelentes para a prevenção e proteção de gestantes contra o Aedes aegypti. Os repelentes serão disponibilizados em sete lotes pelo Ministério da Saúde, sendo que o primeiro, de 27.450 unidades, foram entregues ao Estado na última semana de fevereiro e, a partir da segunda-feira (6), serão encaminhados aos municípios.

O repelente será distribuído, exclusivamente, para gestantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica e acompanhadas pelo Programa Bolsa Família na Estratégia Saúde da Família. “Nós recebemos o produto, adquiridos pelo governo federal, e serão enviados para as regionais de saúde para que deem o destino adequado aos municípios”, disse Miriane Araújo, gerente de Vigilância e Atenção à Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi).

Segundo a gerente, cada gestante vai receber dois frascos de 200 ml do repelente, por mês. "O repelente é produzido com um produto químico que apresenta proteção contra o Aedes, Culex e Anofheles aquasalis, e apresenta proteção de 10 horas contra os mosquitos”, diz Miriane Araújo.

A primeira remessa abastecerá mulheres grávidas que estão cadastradas no Bolsa Família. "A política de distribuição de repelentes é motivada em razão de promover a proteção dessas mulheres contra a picada do mosquito que poderá levar a um agravo gestacional que, por sua vez, pode causar a má formação do feto”, acrescenta a gerente.

Fonte: www.cidadeverde.com

Notícias Relacionadas

Saúde 7002303373722596468

Publicidade

Acessos

Inscreva-se

FACEBOOK

Arquivo de Notícia

Parceiros

item