Polícia detém dois menores e captura elemento por prática de assalto em Piracuruca

A Polícia Militar de Piracuruca foi acionada na noite desta última quarta-feira (22/06) para deter elementos que haviam assaltado uma senhora no bairro Colibri e levado seu celular, populares ao avistarem a movimentação dos meliantes, que estavam armados com uma faca, conseguiram intercepta-los nas proximidades do mercado municipal, no centro da cidade.

Menor V.E. (14 anos)
Menor D.E. (15 anos)
Ao serem identificados, descobriu que se tratava de dois menores, V.E. de 14 anos e D.E de 15 anos, este último já tem várias passagens pela delegacia, inclusive já foi enviado várias vezes para o Centro Educacional Masculino (CEM).

Durante a condução a delegacia eles informaram que havia mais um envolvido na prática do assalto e ele teria ficado com o produto do roubo, ele é Antonio Marcos dos Santos, mais conhecido como "Marquinhos do Zequinha", 23 anos, ele empreendeu fuga assim que percebeu que a população estava agindo revoltada com a investida deles.

A PM chegou a ir na noite de ontem na casa de  Antonio Marcos, mas não foi possível encontra-lo. 

"Marquinhos do Zequinha"
No início da tarde hoje (23/06), a PM foi acionada para atender um chamado no conjunto Gonçalo Rodrigues, mais um assalto praticado e novamente o acusado era o famoso "Marquinhos do Zequinha", a vítima foi a delegacia prestar queixa, poucos minutos após iniciar a diligência a Polícia Militar chega a DP com "Marquinhos" capturado.

A última vítima de "Marquinhos" fez questão de ficar "cara a cara" com o bandido e o questionou, "cadê toda aquela tua valentia?", "Marquinhos" apenas se limitava a dizer, "o que foi que eu fiz?", o delegado Hugo já o aguardava na recepção para interroga-lo, com ele foi encontrado um aparelho celular.

"Marquinhos" estava preso na penitenciária e há 15 dias havia recebido o alvará de soltura, durante o encarceramento, "Marquinhos" chorava "arrependido", pedindo por uma segunda chance, apresentava estar sob efeito de droga. O delegado Hugo disse a ele que a justiça já havia lhe dado várias chances e que ele era um velho conhecido da DP e por mais este motivo voltaria a ser detido.

O que mais chamou a atenção das autoridades, é a tatuagem que o meliante havia feito em suas costas, um palhaço, no mundo do crime significa que o bandido já matou um policial.

Tatuagem nas mãos dos menores, pela incidência desta marca na pele dos infratores, virou moda nesta classe de desocupados 

Notícias Relacionadas

Policial 3638827240433354494

Publicidade

Acessos

Inscreva-se

FACEBOOK

Arquivo de Notícia

Parceiros

item